08 dezembro 2017

[Resenha] Quando o mal tem um nome - Por Glau Kemp



Título: Quando o mal tem um nome
Autor (a): Glau Kemp
Páginas: 204
Editora: Amazon (Lançamento independente)
Skoob
 Compre: Amazon

Sinopse: “Sinto medo. O tipo de medo que persegue até a presença de outras pessoas. Segue até a luz e entra nas cobertas. Não está debaixo da cama ou dentro armário. Está em minha pele e tem um nome. Não pergunte. Não descubra. Nunca saiba o nome do seu medo, ou irá chamá-lo... Seus lábios podem estar selados, mas sua mente repetirá: Donavan... Donavan... Donavan.”
Na Aparecida dos anos 70, uma cidade erguida no centro de um milagre, conhecemos a história de Marta e sua filha Clara. De sua terra cultivada por fé a malignidade cresce no coração de uma mãe devota. As orações que a padroeira não atende são feitas agora para eles: anjos caídos. Ela não deveria saber o nome do demônio que atendeu sua prece, e a abominação despertada é tão grande que todos vão pagar pelo seu pecado. O mal só precisava que alguém o chamasse pelo nome e agora está entre nós.
"Faça uma oração antes de dormir e deixe a luz acesa. Se vir a fé em seus olhos, talvez vá embora. Mas ele virá”
— Por que um demônio iria querer vir até à casa de Deus, minha jovem?
— Por que o senhor iria até a casa do demônio, padre?
— Para levar a luz até ele.
— O demônio também tem seus planos.

07 dezembro 2017

[Resenha] Ligeiramente maliciosos - Por Mary Balogh



Título: Ligeiramente maliciosos
[Os Bedwyns #2]
Autor (a): Mary Balogh
Páginas: 288
Editora: Arqueiro

Sinopse: Após sofrer um acidente com a diligência em que viajava, Judith Law fica presa à beira da estrada no que parece ser o pior dia de sua vida. No entanto, sua sorte muda quando é resgatada por Ralf Bedard, um atraente cavaleiro de sorriso zombeteiro que se prontifica a levá-la até a estalagem mais próxima.
Filha de um rigoroso pastor, Judith vê no convite do Sr. Bedard a chance de experimentar uma aventura e se apresenta como Claire Campbell, uma atriz independente e confiante, a caminho de York para interpretar um novo papel. A atração entre o casal é instantânea e, num jogo de sedução e mentiras, a jovem dama se entrega a uma tórrida e inesquecível noite de amor.
Judith só não desconfia de que não é a única a usar uma identidade falsa. Ralf Bedard é ninguém menos do que lorde Rannulf Bedwyn, irmão do duque de Bewcastle, que partia para Grandmaison Park a fim de cortejar sua futura noiva: a Srta. Julianne Effingham, prima de Judith.
Quando os dois se reencontram e as máscaras caem, eles precisam tomar uma decisão: seguir com seus papéis de acordo com o que todos consideram socialmente aceitável ou se entregar a uma paixão avassaladora?
Neste segundo livro da série Os Bedwyns, Mary Balogh nos conquista com mais um capítulo dessa família que, em meio ao deslumbramento da alta sociedade, busca sempre o amor verdadeiro.

06 dezembro 2017

[Resenha] As sete irmãs - Por Lucinda Riley



Título: As sete irmãs
[As sete irmãs #1]
Autor(a): Lucinda Riley
Páginas: 480
Editora: Arqueiro
Skoob | Goodreads
Compre: Amazon || Submarino || Americanas

Sinopse: Em As sete irmãs, Lucinda Riley inicia uma saga familiar de fôlego, que levará os leitores a diversos recantos e épocas e a viver amores impossíveis, sonhos grandiosos e surpresas emocionantes.
Filha mais velha do enigmático Pa Salt, Maia D’Aplièse sempre levou uma vida calma e confortável na isolada casa da família às margens do lago Léman, na Suíça. Ao receber a notícia de que seu pai – que adotou Maia e suas cinco irmãs em recantos distantes do mundo – morreu, ela vê seu universo de segurança desaparecer.
Antes de partir, no entanto, Pa Salt deixou para as seis filhas dicas sobre o passado de cada uma. Abalada pela morte do pai e pelo reaparecimento súbito de um antigo namorado, Maia decide seguir as pistas de sua verdadeira origem – uma carta, coordenadas geográficas e um ladrilho de pedra-sabão –, que a fazem viajar para o Rio de Janeiro.
Lá ela se envolve com a atmosfera sensual da cidade e descobre que sua vida está ligada a uma comovente e trágica história de amor que teve como cenário a Paris da belle époque e a construção do Cristo Redentor.

04 dezembro 2017

[Fale♥] Relacionamento abusivo: Por que é tão difícil de sair?



Olá leitores.
Hoje eu decidi fazer um post um pouquinho diferente, então bora ao que interessa.

Há alguns dias eu vi o post de uma menina em um grupo do facebook voltado somente para mulheres. Essa menina contava que sabia que uma amiga sofria agressões físicas do marido e resolveu conversar com essa amiga sobre isso, aconselhando-a a sair desse relacionamento. Ao final do post, ela perguntava se fez o certo, já que aparentemente a amiga continuaria com o relacionamento. 

01 dezembro 2017

[Resenha] Agora e para sempre Lara Jean - Por Jenny Han


Título: Agora e para sempre Lara Jean
[Para todos os garotos que já amei #3]
Autor (a): Jenny Han
Páginas: 304
Editora: Intrínseca
Skoob || Goodreads
Compre: Amazon || Submarino || Americanas

Sinopse: Em Para todos os garotos que já amei, as cartas mais secretas de Lara Jean — aquelas em que se declara às suas paixonites platônicas para conseguir superá-las — foram enviadas aos destinatários sem explicação, e em P.S.: Ainda amo você Lara Jean descobriu os altos e baixos de estar em um relacionamento que não é de faz de conta.
Na surpreendente e emocionante conclusão da série, o último ano de Lara Jean no colégio não podia estar melhor: ela está apaixonadíssima pelo namorado, Peter; seu pai vai se casar em breve com a vizinha, a sra. Rothschild; e sua irmã mais velha, Margot, vai passar o verão em casa. Mas, por mais que esteja se divertindo muito — organizando o casamento do pai e fazendo planos para os passeios de turma e para o baile de formatura —, Lara Jean não pode ignorar as grandes decisões que precisa tomar, e a principal delas envolve a universidade na qual vai estudar. A menina viu Margot passar pelos mesmos questionamentos, e agora é ela quem precisa decidir se vai deixar sua família — e, quem sabe, o amor de sua vida — para trás.
Quando o coração e a razão apontam para direções diferentes, qual deles se deve ouvir?

28 novembro 2017

[Resenha] Coroa de ferro e trono de espinhos - Por Alana Gabriela



Título: Coroa de ferro e trono de espinhos
Autor (a): Alana Gabriela
Páginas: 428
Editora: Amazon (Auto-publicação)
Skoob
Compre: Amazon
 
Sinopse: Em Coroa de Ferro e Trono de Espinhos, a A Bela e a Fera, Édipo Rei e Aquiles se encontram num universo repleto de ação, segredos, mistérios e romance.
Na corte de Portlaiose o vento sibila impiedoso, as sombras dançam nas paredes do castelo e a hierarquia invisível sobrevive como cinzas na neve...
O rei Marteen de Portlaiose está morto e seu filho mais velho e o herdeiro direto, Joachim, subiu ao trono. Com o alvoroço das guerras nas fronteiras o pulso firme do jovem rei é o que tem sustentado o reino em suas constantes batalhas para proteger o território de invasores. Em meio ao caos e a busca para encontrar aliados, o irmão mais novo do rei, Gillean, acaba sendo morto. Uma caçada para encontrar o culpado se inicia. Tudo que Joachim pode fazer é ir atrás daquela que matou seu irmão para aplacar o mais temível de seus sentimentos e salvar o império da destruição.
Ele precisa encontrar Ceridwen Hill, a dama da legião!